Quando estão prestes a comprar o tão sonhado imóvel, é comum que as pessoas se perguntem o que é melhor: “casa ou apartamento?”. Antes de qualquer coisa, podemos adiantar que não há uma regra. A escolha deve levar em consideração o perfil e os objetivos dos moradores.

Para quem deseja mais segurança, comodidade e sonha em ter uma área de lazer, por exemplo, o apartamento é a melhor opção. Já as pessoas que visam uma maior liberdade, podem se sentir mais confortáveis em uma casa (afinal, ali as regras são suas).

Se você tem dúvidas sobre qual imóvel é o mais indicado para você, está no lugar certo. Siga com a leitura deste post e descubra o que levar em consideração no momento da compra:

Pense a longo prazo ao escolher entre casa ou apartamento

Em primeiro lugar, é importante ter em mente que um imóvel é um investimento duradouro, ou seja, a tendência é que ele fique com você por muitos anos. Por isso, é essencial que você analise os prós e os contras da casa ou apartamento a longo prazo.

Lembre-se de que, optando pela casa, você se torna o único responsável pela manutenção do imóvel — ao contrário de condomínios, cujos custos são divididos.

Por isso, antes de optar pela residência, é essencial que você pergunte a si mesmo se terá dinheiro o suficiente para cuidar da conservação da propriedade. Nesse momento, tenha em mente que, no futuro, talvez você precisará torná-lo acessível para idosos.

Assim, se você deseja ter baixo custo futuramente, o ideal é optar por um apartamento que já tenha recursos com acessibilidade. Além de economizar com a reforma, algumas modificações futuras — como a fachada do prédio — são divididas entre os condôminos.

Leve em consideração fatores como segurança e privacidade

Além da necessidade de manutenção, outros fatores devem ser levados em consideração no momento de escolher entre a casa ou o apartamento. A seguir, confira os principais:

  • segurança;
  • privacidade;
  • liberdade.

Sem dúvidas, o apartamento é a melhor opção para quem busca por segurança — principalmente se ele estiver localizado em um condomínio. Existem 3 motivos para isso: o 1º se refere ao fato de os vizinhos estarem sempre por perto.

O 2º diz respeito à presença do porteiro e da equipe de segurança existente nos principais prédios. Já o 3º se refere à altura do apartamento. Dependendo do andar onde você mora, fica mais complicado o acesso de bandidos ou de vândalos.

Por outro lado, a privacidade e a liberdade são maiores em uma casa. Afinal, lá você não precisará dividir o portão ou o corredor com nenhum outro vizinho. Entretanto, a insegurança aumenta. Cabe ao morador, portanto, avaliar quais são as suas prioridades.

Pense nos custos da casa ou apartamento

Muitas pessoas pensam, erroneamente, que morar em apartamento é mais custoso. É claro que existe a taxa de condomínio que deve ser paga todo mês. Entretanto, ao contrário da casa, você não terá tantas despesas extras: conta de água, cuidados com a fachada, serviço de vigilância de bairro, entre outras.

O valor que a pessoa terá que gastar com a manutenção de uma casa, portanto, é o mesmo que ela gastaria pagando a taxa do condomínio. Além disso, é importante lembrar que prédios têm elevador, equipe de segurança, área de lazer etc.

Fique de olho na localização

A localização é outro fator que deve ser levado em consideração antes de comprar um imóvel. Geralmente, os condomínios ficam em áreas privilegiadas, com fácil acesso aos serviços básicos — como bancos, farmácias, supermercados, academias etc.

As casas, ao contrário, costumam ficar em áreas mais residenciais e com pouco comércio ao redor. Por isso, se você deseja morar em um local que facilite o seu dia a dia, o apartamento costuma ser a melhor opção.

É claro, porém, que existem exceções — tanto para as residências, quanto para os condomínios. Assim, o ideal é pesquisar bastante antes de fechar qualquer negócio.

Analise o tamanho dos imóveis

Analisar o tamanho dos imóveis também é importante para fazer a escolha adequada. Muita gente pensa que a casa é o único imóvel com bastante espaço disponível. No entanto, existem atualmente diversos apartamentos com metragens diferenciadas.

Por isso, se o seu objetivo for morar em um local grande, não há a necessidade de se prender à ideia de morar em uma casa. Procure os condomínios que ofereçam apartamentos maiores e compare-os com algumas residências.

Feito isso, basta levar em consideração o restante dos fatores: segurança, privacidade, conforto etc.

Estabeleça os seus objetivos pessoais

Pensar bem no que você espera de um imóvel é o segredo para adquirir o local dos sonhos. Assim, é essencial que todos os moradores da casa tenham os mesmos objetivos.

Por exemplo: se vocês desejam ter um espaço com segurança para os seus filhos brincarem, o apartamento é sempre a melhor opção. Já se a prioridade for liberdade — escutar música alta até tarde etc. —, a casa pode ser uma boa alternativa.

Para que tudo saia como o esperado, portanto, o importante é que você faça uma listinha e estabeleça as suas preferências. Nesse momento, faça algumas perguntas a si mesmo:

  • eu tenho filhos ou pretendo ter? Se sim, a segurança é um fator importante? Se a resposta for positiva, opte pelo apartamento;
  • ter um bichinho de estimação é uma prioridade? Se sim, prefira a casa ou apartamentos com áreas pet (muito comuns hoje em dia);
  • eu prezo mais pela segurança (apartamento) ou liberdade (casa)?
  • a área de lazer (piscina, playground, churrasqueira etc.) é importante para mim? Em caso de resposta positiva, eleja os condomínios.

Obviamente, colocamos somente alguns exemplos. Para fazer a escolha certa, é necessário refletir sobre todas as particularidades e as necessidades da família.

Como vocês viram, não há uma regra que valha para todos. A escolha, portanto, deverá estar de acordo com a rotina e os objetivos dos moradores. O mais importante é que você viva em um ambiente confortável, seguro e aconchegante.

Este post foi útil para você? Então, compartilhe-o nas suas redes sociais e ajude outras pessoas a escolherem entre casa ou apartamento!

Conheça nossas possibilidades de morar no Portal da Colina pela Construtora Planeta!

Conheça o condomínio de casas Bellagio da Construtora Planeta

Conheça o novo lançamento da Construtora Planeta: os condomínios horizontais Tirreno Residences!